Todos os domingos às 9h e 11h30

O que o Dia de Pentecostes nos ensina hoje? – Pr. Igor Bandura (Ucrânia).

O que o Dia de Pentecostes nos ensina hoje? – Pr. Igor Bandura (Ucrânia).

Nesta celebração na Igreja Batista do Morumbi, tivemos a honra de receber o Pastor Igor Bandura, vice-presidente da União Batista da Ucrânia. Ele compartilhou conosco que a Ucrânia está distorcida no mundo por conta da guerra, o que trouxe uma carga insuportável de sofrimento aos nossos irmãos na Ucrânia. Mas ao mesmo tempo, eles têm desfrutado da graça de Deus através do evangelho, que estão vivendo lá, e ele nos trouxe uma reflexão a respeito da passagem de Pentecostes que está em Atos 2.

O Pentecostes revela a glória de Deus de uma maneira maravilhosa. ‘Chegando o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos num só lugar. De repente veio do céu um som, como de um vento muito forte, e encheu toda a casa na qual estavam assentados.’ (Atos 2:1) Nesse momento, a glória de Deus desceu onde o povo estava, e a glória de Deus se tornou presente entre o povo de Deus.

Diferentes nações, salvas pela graça de Deus, se juntaram e provaram o poder do Espírito Santo. No Pentecostes, hoje podemos estudar isso através das Escrituras e podemos aprender coisas que servem até hoje para nossa vida, como a glória de Deus, o amor de Deus e o poder de Deus. O amor de Deus nos dá uma identidade, um espaço dentro de nossa vida para expressarmos esse amor. O amor de Deus nos dá forças para enfrentar qualquer coisa em nossa vida, e o poder de Deus nos dá essa coragem para lidar com todas as circunstâncias de nossa vida. A glória de Deus manifesta através de nossa vida alcança pessoas ao nosso redor. A glória de Deus nos dá nossa identidade; somos o seu povo, e a sua glória pertence à sua igreja.

Quando a glória de Deus desceu sobre sua igreja, o Império Romano estava em seu maior poder da época. Isso nos mostra algo sobre todos os impérios: todo império busca sua glória. Todos que buscaram sua glória desapareceram, a história nos mostra isso. Podemos ter muitas perdas, mas ao mesmo tempo vemos Deus operando através de sua glória. Apesar de toda a dificuldade e pressão da guerra na Ucrânia, Deus tem revelado sua glória através de homens de Deus, pastores que têm continuado o trabalho nas igrejas. Há uma grande pressão sobre esses pastores; a maioria foi chamada para o exército. Diante dessa circunstância, você pode ficar desanimado, mas devemos nos lembrar que Deus deu à sua igreja sua glória, e o número de pastores só aumentou nos últimos meses na Ucrânia. Muitas igrejas foram edificadas apesar das circunstâncias da guerra. Isso nos faz ver a glória de Deus sendo manifestada na sua igreja; isso é uma forma de medirmos o amor de Deus por nós.

João 14:19-21: Jesus diz, ‘Dentro de pouco tempo o mundo já não me verá mais; vocês, porém, me verão. Porque eu vivo, vocês também viverão. Naquele dia compreenderão que estou em meu Pai, vocês em mim, e eu em vocês. Quem tem os meus mandamentos e lhes obedece, esse é o que me ama. Aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu também o amarei e me revelarei a ele’.

Você, como filho e discípulo de Deus, consegue sentir esse amor? Deus nos chama para esse relacionamento íntimo e profundo que nos traz vida, traz um propósito de vida, um sentido para nossas vidas, um amor que gera comunhão com o Pai e com nossos irmãos na igreja do Senhor. Jesus deixa claro que ele não deseja apenas que entendamos esse amor teologicamente, mas ele espera que sintamos esse amor, que sejamos lar de Deus. Na mesa, podemos partilhar momentos, emoções, dificuldades, angústias e nessa comunhão com nossos irmãos também temos o Pai, o Filho e o Espírito Santo; esse é o amor de Deus por nós, manifesto através das nossas vidas. A presença de Deus em nossa vida tem que ser uma realidade interna e externa, pois a presença dele em nossas vidas é real. Não somos órfãos, não estamos sós. Jesus prometeu voltar, e o Espírito de Deus é o nosso consolador, Ele que cria essa realidade divina em nossas vidas. Agora podemos ser parte do reino de Deus; Jesus está conosco sempre. ‘E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos.’ (João 28:20)

É assim na vida do filho de Deus: não importa o que estamos passando, no momento em que estamos em comunidade, em comunhão na casa de Deus, sentimos a presença de Deus e essa presença revelada através da glória dele não deixa que nos sintamos sós. Na casa de Deus, sentimos esse conforto da presença de Deus, para nos fortalecermos juntos, e crescermos, confortar uns aos outros, e deixar a presença dele fluir por nossas vidas e sermos testemunhas do Pai.

Essa ministração foi muito edificante em nossas vidas, e o Senhor falou profundamente aos nossos corações através do Pastor Igor. Queremos te convidar a assistir a essa ministração profunda e a vir presencialmente em nossas celebrações aqui na IBMorumbi, para caminharmos juntos e desfrutarmos dessa glória de Deus que se derrama em nossas vidas.

clique aqui e assista

Este encontro é uma oportunidade única para nos unirmos em oração e reflexão sobre o papel da igreja na missão de Deus no mundo.
A principal marca da igreja não é a ausência de pecados, mas sim a maneira como ela trata os pecados e os pecadores.
Com alegria, anunciamos a chegada de novos membros aqui na IBMorumbi.

Nosso Conteúdo

Mantenha-se conectado com a sua comunidade de fé

Celebração Ibmorumbi: Sua Transformação de Casa, a Casa de Deus - Pr. Humberto Aragão
Celebração Ibmorumbi: Sua Transformação de Casa, a Casa de Deus - Pr. Humberto Aragão
Eu não vim para chama os justos, mas pecadores ao arrependimento. Lucas 5:32
Eu não vim para chama os justos, mas pecadores ao arrependimento. Lucas 5:32
Celebração Ibmorumbi: Discípulos amam a igreja porque é um lugar de cura - Pr. Clauber Carrenho
Celebração Ibmorumbi: Discípulos amam a igreja porque é um lugar de cura - Pr. Clauber Carrenho
Celebração Ibmorumbi - Pr. Gabriel Neres
Celebração Ibmorumbi - Pr. Gabriel Neres

Faça seu pedido de oração

Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelo Google Política de Privacidade e Aplicam-se os Termos de Serviço.

Receba Novidades

Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelo Google Política de Privacidade e Aplicam-se os Termos de Serviço.